Dentre os mais votados do PT na Bahia, os deputados Waldenor Pereira, o quinto entre os federais, com 121. 278 votos, e Zé Raimundo, o segundo entre os estaduais, com 94.014, estão dispostos a “botar o pé na estrada” de novo para agradecer pela reeleição e fazer a campanha de Fernando Haddad neste segundo turno das eleições presidenciais. Foi o que eles declararam logo após os resultados das eleições do primeiro turno, entusiasmados com a vitória deles e do governador Rui Costa (75,55% dos votos), dos senadores eleitos Jaques Wagner e Ângelo Coronel, e da votação de Haddad PT, que venceu em 411 dos 417 municípios da Bahia.

“Junto com o governador Rui Costa e os nossos senadores, nesse segundo turno voltaremos às ruas, às comunidades, aos municípios, para dialogarmos com os nossos apoiadores e os eleitores para que tenhamos uma vitória de Haddad nesse segundo turno”, assegurou Zé Raimundo. Embora admitindo que se trata de um grande desafio, ele completa: “Estamos acostumados a enfrentar problemas, caminhos difíceis, a percorrer e abrir novas estradas para a democracia”.
Waldenor também se mostra otimista: “O povo brasileiro vai acordar do pesadelo da ameaça do projeto reacionário, conservador e truculento, e vai votar no projeto da esperança, da paz, do progresso com melhoria de qualidade de vida da população”, vaticina.

Fazendo uma análise histórica, Zé Raimundo observa que o Brasil sempre foi dividido entre ricos e pobres, escravos e senhores, senzala e a casa grande. Por isso, defende que o caminho para combater o atraso é a democracia, a justiça social, a distribuição de renda. “Estas sempre foram as nossas plataformas de luta nessas e nas outras, campanhas. Só que agora encontramos um novo elemento: o ódio e da raiva, que combatemos firmemente e defendemos a candidatura do Haddad como um caminho para nós derrotarmos essa visão fascista, autoritária e conservadora da sociedade”.

Sobre a própria vitória dele e Zé Raimundo, Waldenor credita ao trabalho ininterrupto , especialmente nas regiões onde dedicam maior atenção – Sudoeste, Serra Geral, Chapada Diamantina, Médio São Francisco e Vale do Paramirim – desenvolvido no decorrer dos quase quatro anos dos seus atuais mandatos; a ética e a transparência que pautam as suas atuações políticas, a sintonia ideológica com os apoiadores e a coerência entre a prática e o discurso, procurando cumprir os compromissos assumidos de defender os interesses da população e a classe trabalhadora. “Atuamos sobretudo em defesa da soberania nacional, dos direitos sociais e trabalhistas, da democracia e do estado de direito”.

Waldenor e Zé Raimundo aproveitam para agradecer a todos os colaboradores, os amigos que convivem com os seus mandatos, aos apoiadores, dentre eles vários prefeitos, vice-prefeitos, vereadores, lideranças partidárias e dos movimentos sociais, dirigentes do PT, e, principalmente, à militância, que “abraçaram” as suas candidaturas.

Imprimir